Crítica: Love 3D

09:00


Fiquei muito chateado, pois alguns cinemas não passaram a nova grande obra de Gaspar Noé, "Love", um filme incrível que traz amor e sexo em um só. Palavras para descrever esse filme, tenho várias, mas as mais importantes são: sexo a três, transexual brasileira, ejaculação frontal em 3D e muita "nudez". Love quebra todos os paradigmas do cinema, com certeza é o filme mais polêmico de 2015, o longa causou muito burburinho porque traz fortes cenas de sexo e contém muita nudez.

SEXO A TRÊS - LOVE se passa através do triângulo amoroso Murphy, sua namorada Electra e a vizinha Omi. Omi tem apenas 16 anos de idade, mas quem se importa com isso, "Eu amo a Europa", diz o protagonista. - EJACULAÇÃO EM (3D!) - O filme começa com uma cena de sexo explicito de Murphy e Electra, a cena não tem cortes, só termina quando ele ejacula, se você achou isso forte, tem coisas bem piores, tem uma cena em que a câmera fecha no órgão genital de Murphy e ele ejacula em direção a câmera, e isso tudo foi em 3D.


BRASILEIRA NA ÁREA - Electra tem vários fetiches, ela que convenceu Murphy a fazer sexo a três, também ela cisma em ter relações com uma transexual, e ai que entra Stella Rocha, a trans brasileira que faz uma pequena aparição no filme. - MAIS NUDEZ MASCULINA, MENOS NUDEZ FEMININA - Gaspar Noé seguiu a linha Sense8 da Netflix, pois é gente aparece muito pouco nudez feminina, mas não economiza de mostrar o órgão genial do protagonista principal.

O FILME SE PASSA EM FLASHBACK - Como esse post está parecendo um flashback, o filme também se passa assim. Murphy mora em Paris, e é estudante de cinema, lá ele conhece Electra com quem vive um relacionamento de dois anos, mas o filme começa com ele casado e com um filho, e sua ex sogra ligando perguntando sobre o sumiço de Electra.


Sinopse: Murphy está frustrado com a vida que leva, ao lado da mulher e do filho. Um dia, ele recebe um telefonema da mãe de sua ex-namorada, Electra, perguntando se ele sabe onde ela está, já que está desaparecida há meses. Mesmo sem a encontrar há anos, a ligação desencadeia uma forte onda saudosista em Murphy, que começa a relembrar fatos marcantes do relacionamento que tiveram.

O filme é incrível vale muito a pena assistir, Gaspar Noé fez uma ótima produção, mas lembre-se assista só se for (+18) anos.

Espero que tenham gostado.
Abraços e até o próximo post.

Twitter: @luis_dudue | Instagram: @luisdudue |
Fan Page: Tudo Passa BLOG Google+: Tuudo Passa

Post feito por:
Luiz Eduardo

You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Like us on Facebook

Flickr Images