Overdose de Sentimento #71 (Especial Reflorada)

16:51


“Estar com você, sentir o seu corpo perto do meu, ouvir o som da sua risada, poder te abraçar e escutar as batidas do seu coração no meu ouvido, você ficando vermelho quando eu digo o que você significa pra mim, talvez seja isso. Ver o seu sorriso ao me olhar, escutar sua voz rouca me desejando bom dia, sentir o teu cheiro, andar de mãos dadas na rua com você, bagunçar o seu cabelo e te ouvir bufar, talvez seja isso. Rir do seu bigode branco quando toma leite, ver suas caretas quando abraço um amigo, a forma com que segura meu rosto com tuas mãos para me fazer te olhar nos olhos se estou brava, talvez seja isso. Deitar nos teus ombros no ônibus, o fato de você colocar suas pernas em cima das minhas quando estamos no sofá da tua casa, as gargalhadas que você dá quando me vê dançando de pijama, a felicidade que eu sinto quando, as vezes para quebrar o silêncio depois de uma discussão, você diz que sou tua, talvez seja isso também. Gritar com você, chorar por você, dizer que te odeio e um segundo depois me arrepender, pois cada parte do meu corpo me diz o contrário, te ouvir dizer que sente muito por não ser tudo o que eu preciso, mas que mesmo assim se esforça pra não me perder, sentir tuas mãos no meu rosto, o sofrimento que vejo em você se digo que desejo por um fim em tudo, o jeito com que você me puxa pela cintura depois de uma briga e me diz que apesar de tudo ainda pertencemos um ao outro e o fato dessas palavras soarem tão certas, talvez possa ser isso. O frio e o calor que sinto dentro de mim quando te escuto dizer que você quer a mim e a mais ninguém, o medo insuportável que sinto de um dia te perder, o brilho nos teus olhos quando você planeja nosso futuro, o gosto do teu beijo, o calor do teu corpo, o carinho das tuas mãos em mim, nossas brincadeiras idiotas, nossas conversas que só fazem sentido para nós mesmos, nosso mundo oculto, um mundo onde ninguém pode nos atrapalhar, onde a felicidade que sentimos quando estamos juntos é a única coisa que importa, onde podemos ser nós mesmos. Ou talvez seja o simples fato de como me sinto quando te escuto dizer que me ama e como esses sentimentos se multiplicam e ficam mil vezes mais fortes quando não preciso escutar, quanto basta olhar nos teus olhos eu eu sei que você está me dizendo isso. Eu realmente não faço ideia de como ou o que seja o amor.”

— Mas sei que quando estou com você estou muito mais próxima dele.


You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Like us on Facebook

Flickr Images