Garoto do Passado - Uma Carta de Despedida

10:26


UMA CARTA DE DESPEDIDA 

Num determinado momento nos decepcionamos… Infelizmente algumas vezes, com quem mais amamos. Aquele em quem apostamos todos os nossos sonhos, com quem dividimos muitas alegrias, rindo com a mesma intensidade. Sempre dizem que alguém sofrerá mais, ainda que não queria. Fico relembrando nossos momentos de dedicação, de amizade, amor e de momentos felizes, fico imaginando como seria a nossa casa, os nossos filhos, o nosso casamento. Por que o amor machuca tanto? São inúmeras as vezes que eu desejei que você estivesse ao meu lado, inúmeras as vezes que precisei do seu abraço, e não pude ter. Gostava em você aquilo que em mim não tinha, gostava de você por gostar de mim. Do nosso amor, a gente sabe, foi aquele em que a felicidade tomou conta do meu coração; não conseguia controlar as batidas do meu coração ao te ver, mas a distância entre nós ia aumentando, mesmo que eu ainda peça um último encontro, seja esse para o último adeus, a nossa despedida. Para que eu possa te agradecer os dias, meses e anos que comigo esteve, se tivesse toda a noção do quanto era importante para mim, certamente não abriria mão de mim. Nessa carta, quero te agradecer as saudades que eu sinto, os sorrisos que me fizeste sorrir, os beijos e abraços que deste, quero agradecer as noites dos dias que passamos conversando, agradecer cada pôr-do-sol que juntos não podemos assistir, mas em todos eles estiveram bem presentes dentro da nossa imaginação. A minha vontade sempre foi ficarmos juntos, não digo para sempre, mas um dia de cada vez, quem sabe o resto de nossas vidas. Esqueci de te dizer para fechar e guardar esse meu amor, ele sempre foi teu, sempre te pertenceu. Hoje ainda digo por uma última vez que ainda te amo e quero acreditar numa última vez que nada será possível nos separar. Só Deus, pode explicar o porquê de nascermos na mesma época para vivermos apaixonados e separados. Não sei quanta dor já sentir, não importa, importa tudo àquilo que juntos vivemos e eu não quero ficar mais presa, quero a liberdade de viver sem ti. A liberdade de colorir minha vida, quero de novo os meus sonhos, aqueles que fui guardando e ficaram esquecidos pelo tempo. Preciso ser feliz sem ti e uma vez mais fico sem palavras, porque não foi fácil, não é fácil te deixar ir; mas te agradeço por teres feito parte da minha vida e por continuares a fazer parte, de maneira diferente, eu sei, mas certo que continuares a ser uma parte de mim. Para sempre.

— Máh Soares (vupm)  (via libertado)

You Might Also Like

0 comentários

Instagram

Like us on Facebook

Flickr Images